Wednesday, September 2, 2009

textura de areia

.caderno de observações.

.rabiscos com lápis de cor e canetinha em Rio de Janeiro experience.

Aninha foi comigo na parte da frente, diferente dos outros dias em que eu ia contra o vento sozinha. Me chamou a atenção apontando os homens que colocavam a grama na calçada da lagoa, me perguntava porque eu não pedalava mais rápido, me chamava de doida.
Na praia encontramos Carol que tomava sol próximo a barraca do Moisés, colocamos biquíni e começamos a desenhar. Mais pessoas foram chegando e o dia seguiu frente ao mar com sol, amigos, histórias, água de coco, lápis de cor e areia. Assim que o sol começou a baixar uma luz linda pintou tudo de dourado e bolinhas de sabão surgiam sob a nossa visão. Fui seguindo as bolhas com o olhar e logo vi o homem que fazia  bolhinhas de sabão, uma cena linda se formou e logo se foi junto com o sol que se escondia.
Iniciava ali mais um fim de dia bom.

3 comments:

tuna said...

gostei da luz do desenho...adoro essa luz. ela aparece em várias fotos minhas. virou até romance essa luz. beijo rita!

madu cabral said...

Elogio é sempre bom: andei por aqui procurando a receita do pimentão (o Huan tá viciado nele!!) e você tá desenhando e escrevendo MUITO, tá ligada que sou fã, né?

bjks,
madu

Rita Taraborelli said...

Queridona!
Te passo a receita do pimentão depois... agradeço os elogios, você é tão fofa!
beeejs